Poeta de Porto Alegre que escreve

na página @poetaleocruz

15% off em tudo

Olá!
Eu sou o Léo Cruz.

Quem sou eu?

Léo Cruz é natural de Porto Alegre e formado em Publicidade e Propaganda. Publica regularmente seus poemas na página Poeta Léo Cruz e também compartilha em zines, postes e muros da cidade. Em 2015, foi vencedor do 18º Prêmio Cidadão de Poesia de Limeira, São Paulo.


É coorganizador do Sarau Poetaria, juntamente com Michelle C. Buss. “Ainda não há um furacão com seu nome” é seu primeiro livro e foi lançado de forma independente, no final de 2018, sendo o mais vendido na categoria Poesia para Jovens e Adolescentes e um dos mais vendidos na categoria geral de Poesia na Amazon.

Role a página e venha saber mais sobre os meus livros!

Livros publicados

capa (1).jpg

A última vez que penso em você neste segundo (2021)

Editora Bestiário

Páginas: 104
Gênero: Poesia

Um livro para as pessoas que sentem muito e não sentem muito por isso. Os poemas que você vai acompanhar nas próximas páginas são o retrato da vida de uma pessoa que sente à flor da pele.
Esse livro vai te confortar e também confrontar as saudades, porque eu sei que eu e você já passamos por muitas coisas parecidas. O amor e a dor são as únicas línguas universais.

capa ebook.png

Ainda não há um furacão com seu nome (2018)

Independente

Páginas: 64
Gênero: Poesia

Léo reúne poemas diretos, leves e sentimentais usando seus versos, trocadilhos e uma linguagem descontraída brincando com as palavras e com nosso cotidiano. O que são furacões? Fenômenos (ou desastres?) que passam e bagunçam regiões. Léo Cruz escreve sobre os furacões que passaram pela sua vida e que o bagunçaram de alguma maneira. A obra reúne poemas de amor, bads, saudades e lembranças.